Poema de Castro Alves


O Livro e a América


Por isso na impaciência

Desta sede de saber,

Como as aves do deserto -

As almas buscam beber...

Oh! Bendito o que semeia

Livros... livros à mão cheia...

E manda o povo pensar!

O livro caindo n'alma

É germe - que faz a palma,

É chuva - que faz o mar.


Extraído: O Livro e a América

Castro Alves

4 comentários:

Hapi 1:30 AM  

hello... hapi blogging... have a nice day! just visiting here....

Prô Rirela 6:38 PM  

Tenho selinho pra ti!

Viviane Patrice 11:52 AM  

Passei por aki e já enchi a minha mochila de idéias para o recomeço da aula.... passe no meu blog, tem selinho para vc lá! bjs e continue assim! Vivi

Lekinha gatinha lokinha ui 9:20 PM  

legallll sjaoijs

  © Template Desenvolvido por Ourblogtemplates.com 2008

Voltar para CIMA